ENGLISH
 
 
« VOLTAR
 

A Casa do Mineiro – Centro de Documentação, é o primeiro pólo permanente do Museu da Mina de São Domingos. A sua construção pretende ser um contributo para a reconstrução e dignificação da aldeia mineira, das suas gentes e da sua memória. Nessa perspectiva, associaram-se a este espaço dois equipamentos. O museográfico, com a (re) criação da Casa do Mineiro, e o espaço de recolha da memória, com a instalação dum Centro de Documentação.

A Casa do Mineiro procura mostrar a realidade física do espaço de vivência de uma família mineira. Os objectos, as suas memórias, os seus símbolos, as suas carências… Acima de tudo provocar a imaginação e a sensibilidade do visitante para, ele próprio, num exercício simples, procurar conceber a vivência diária duma família dentro daquele espaço. Três, quatro, cinco, seis e às vezes mais pessoas, em 16 m2… Nesta reconstituição que fizemos de uma “Casa do Mineiro” a principal preocupação foi recriar um espaço fiel, qual documento vivo, histórico e cultural, onde os residentes mais velhos se revissem, os menos velhos tirassem proveitosas ilações e os visitantes de passagem se inteirassem de como tinha sido “viver” dentro de 16m2.

O Centro de Documentação pretende ser um espaço de recolha, arquivo, estudo e tratamento de todo o tipo de documentação (fotografia, documental, material) que a comunidade mineira queira disponibilizar para ajudar a construir e dignificar o que resta da memória dos 150 anos de História do complexo industrial da Mina de S. Domingos.

Miguel Rego e Carlos Gomes

 
 
 
CÂMARA MUNICIPAL DE MÉRTOLA - 2008 © Todos os direitos reservados . Ficha Técnica